Comércio do Rio deve contratar 30 mil no fim do ano

Quem pretende conseguir um emprego temporário com a chegada das festas de fim de ano, terá uma boa oportunidade. O comércio lojista da cidade do Rio de Janeiro deverá contratar cerca de 30 mil empregados temporários e a boa notícia é que cerca de 67% dos estabelecimentos do município pretendem efetiver 20% destes trabalhadores, como mostra uma pesquisa do Centro de Estudos do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDL-Rio), divulgada nesta terça-feira (21).

“Esse resultado expressivo tem dois motivos. O primeiro é que, ao longo do ano, o comércio passou por ajustes e essas contratações são uma forma de repor os postos de trabalho. O segundo motivo reflete o fato de que não somente o Natal é a grande data do ano para o comércio, que também precede a alta temporada do verão, que é a estação mais importante para a economia carioca, quando a cidade recebe um grande número de turistas do país e do exterior”, explica o presidente do CDL-RIO, Aldo Gonçalves.

“A combinação desses dois fatores, associada ao otimismo que deve ser a marca deste Natal para o comércio, motivaram essa estimativa de crescimento do número de empregos temporários a serem criados”, completou.

A pesquisa revelou que, das 500 empresas consultadas, 82% pretendem contratar para esse período, 8% não planejam fazer essas admissões e 10% ainda não decidiram. Participaram da pesquisa empresas dos setores de confecções, sapatos, jóias e bijuterias, óticas, eletroeletrônicos, móveis e brinquedos.

Do total de vagas, 40% representam o primeiro emprego; a faixa etária predominante é de 18 a 25 anos; 60% são do sexo feminino e 40% do sexo masculino. As zonas sul e norte foram as que mais se destacaram, com os maiores percentuais de empresas interessadas em contratar temporários: 45% e 25%, respectivamente. Das empresas entrevistadas, apenas 5% já se adiantaram, aumentando o quadro com temporários. Essas contratações costumam ocorrer, a partir das últimas semanas de setembro, se intensificando em outubro/novembro.

(Fonte: Jornal do Commercio)

Inscreva-se

X

Comércio do Rio deve contratar 30 mil no fim do ano
Compartilhe:
Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmailFacebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail