Carnaval: a maior festa popular do mundo!

O Carnaval é considerado uma das festas populares mais animadas e representativas do mundo. E tão celebrada no Brasil que, ao longo do tempo, tornou-se elemento da cultura nacional. Tem sua origem no Entrudo e chegou ao Brasil por volta do século XVI, trazido pelos portugueses e influenciado pelas festas carnavalescas que aconteciam na Europa. Pode ser definido como uma série de jogos e brincadeiras populares, e que pode ser considerado como a fase de gestação do carnaval popular de rua.

Apesar de muitas formas originais terem desaparecido e dado lugar a outras, o Carnaval de Rua do Rio de Janeiro continua sendo a maior festa popular carioca e, possivelmente, a maior festa popular do mundo. O parâmetro para essas festas, conhecidas como Sociedades Carnavalescas, era a sociedade parisiense. A cidade presenciou seu primeiro desfile de Carnaval, em 1855, feito por um grupo de intelectuais autodenominado “Congresso das Sumidades Carnavalescas”. Até Dom Pedro II assistiu ao desfile.

O desfile de blocos de rua durante o Carnaval carioca foi autorizado pela polícia em 1889. No final da década de 1920, alguns blocos começaram a se organizar, dando origem às primeiras escolas de samba. Apesar da festa ter raízes antigas, foi somente em 1963 que ela entrou para o calendário turístico da cidade do Rio.

De 1930 a 1940, o Carnaval era festejado na Praça Onze, considerada por muitos como “berço do samba”. Em 1941, ela foi demolida para dar lugar à Avenida Presidente Vargas, que foi um dos palcos da festa até a inauguração do Sambódromo, em 1984.

A grande fama das escolas de samba cariocas, entretanto, só veio nos anos 50, quando intelectuais passaram a se interessar por cultura popular e pelo “folclore” do carnaval, levando os desfiles à classe média.

No final do século XIX, começam a aparecer os primeiros blocos carnavalescos, cordões e os famosos “corsos”. Estes últimos tornaram-se mais populares no começo do século XX. As pessoas se fantasiavam, decoravam seus carros e, em grupos, desfilavam pelas ruas das cidades. Está aí a origem dos carros alegóricos, típicos das escolas de samba atuais.

A festa continua a valorizar a música e os ritmos alegres, a ironia e a malícia sadia, a dança e as coreografias populares. Junto a isto, os maiores autores e poetas têm escrito sobre a festa que encanta o Rio, o Brasil e o Mundo.

Vista sua fantasia, caia na folia e tenha um bom Carnaval!
Fique por dentro de todos os Blocos de Rua: https://goo.gl/bg73PU
Carnaval: a maior festa popular do mundo!
Compartilhe:
Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmailFacebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail