Lojistas otimistas com as vendas no Dia das Mães

hPesquisa do Centro de Estudos do Clube dos Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDLRio, que ouviu mais de 500 lojistas da cidade do Rio de Janeiro mostra que os empresários estimam vender 3,2% a mais no Dia das Mães, a maior data comemorativa do comércio depois do Natal.

A pesquisa, realizada entre os dias 12 e 20 de abril, contou com a participação de empresários dos setores de vestuário, calçados e bolsas, joias e bijuterias, perfumaria e cosméticos, eletrodomésticos, eletroeletrônicos, móveis, telefonia celular e CD.

Aldo Gonçalves, presidente do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDLRio, disse que os lojistas estão otimistas com as vendas no Dia das Mães. “É a segunda data mais importante para o comércio, atrás apenas do Natal, e os comerciantes criaram uma série de estímulos para aumentar as vendas, entre promoções, descontos, sistemas de crédito diferenciados e diversificação de produtos. E a julgar pelo movimento dos últimos dias a estratégia vem atingindo os objetivos”, explica Aldo.

Os lojistas estimam que o preço médio dos presentes por pessoa deve ser de cerca de R$ 160,00 e que os clientes deverão utilizar o cartão de crédito parcelado como forma de pagamento, seguido do cheque parcelado, a prazo (crediário), dinheiro e cartão de débito.

De acordo com a pesquisa os lojistas acreditam que vestuário, calçados, bolsas e acessórios, joias e bijuterias, perfumes, produtos de beleza, devem ser os presentes mais vendidos. Os filhos (50,7%), os maridos (18,3%), as próprias mães (16,2%) e os netos (14,8%) são os que costumam escolher os presentes nas lojas.

A pesquisa do CDLRio mostra que 60% dos lojistas optaram pela promoção e 35% investiram em propaganda e que todos aumentaram os seus estoques para o Dia das Mães. Os empresários dos setores de vestuário e calçado, também acreditam que os lançamentos de novas coleções vão alavancar as vendas, enquanto que no setor de telefonia celular, a aposta está sendo nas promoções. Já o de eletrodoméstico está investindo em campanhas publicitárias.

Em relação às vendas conforme a localização dos estabelecimentos comerciais as lojas do Centro com 32,4% são as que esperam vendas maiores, seguidas pelas lojas da Zona Sul com 28,2%, as da Zona Norte com 23,9%, as da Zona Oeste com 11,3% e Internet com 4,2%.

A pesquisa mostrou também que 70,6% dos entrevistados pretendem contratar até quatro empregados temporários, 22,8% não pretendem e 6,6% estão indecisos. Ao todo serão contratadas 5.300 pessoas, mais 7% do que no ano passado. Desses 62,5% são do sexo feminino, 14% do sexo masculino e 23,5% dos empresários ouvidos não têm preferência. Eles deverão ocupar as vagas de vendedores (51,5%), gerentes (25%), caixa (11,8%), estoquistas (8,8%) e repositores (2,9%).

Lojistas otimistas com as vendas no Dia das Mães
Compartilhe:
FacebooktwitterredditpinterestlinkedinmailFacebooktwitterredditpinterestlinkedinmail